Falta de diálogo = ignorância!

sábado, 13 de junho de 2009



Isto é um Campus Universitário ou um campo de batalha???


Na última terça-feira, dia 09/06, a Polícia Militar de São Paulo transformou o campus da USP num verdadeiro campo de batalha. Fumaça por todos os lados, sprays de pimenta, estudantes correndo, professores assustados e agredidos.

Tudo isto faz parte da política do Sr. Governador José Serra, que vem mostrando, no decorrer do seu governo, que não está aberto à diálogos com estudantes e manifestantes, emite atos contra a autonomia universitária, e, em sua última façanha, colocou a PM dentro de uma Universidade, atitude repudiada por todas as comunidades acadêmicas por ser um ato de total ignorância e repressão violenta contra o direito de manifestar insatisfação contra a reitoria.


O Governo e a Polícia alegam que os manisfestantes destroem patrimônio público e agridem Diretores e Seguranças da Guarda Universitária, o que não passa de uma grande mentira. Todas as manifestações são pacíficas, assim como a chamada "invasão" da Reitoria, que ficou famosa durante a última greve, e foi divulgada pela mídia como um ato de vandalismo dos estudantes.

Nós, estudantes que passávamos a maior parte do tempo dentro do Campus e não participamos dos movimentos, víamos que não havia atos de violência, mas, mesmo assim, o Sr. Governador já ameaçava colocar a PM no Campus. Agora ele o fez!





Essas fotos são apenas uma parte da barbárie que ocorreu e provavelmente continuará a ocorrer dentro do campus da USP. Professores agredidos, estudantes presos, bombas de gás de "efeito moral" enfeitando a bela paisagem da Universidade.

Tudo graças à política de intolerância do Sr. Governador!

Somos formadores de opinião... e acho que ele já saberá a nossa para as próximas eleições!




Mais fotos: AQUI, AQUI E AQUI!

7 comentários:

Gabriela disse...

O título do seu post coube perfeitamente na situação! E é um absurdo tudo acontecer da pior maneira, a ditadura já passou será que alguém se lembra? Temos que ser respeitados por querer "gritar" por nossos direitos!

Um beijo

Fernanda disse...

é uma pena,um lugar onde se deve estudar virando um cenario de batalha...

fred disse...

Quem, como eu, viveu nos anos 60 e combateu contra a ditadura militar, deve ter uma imensa dificuldade para crer que o José Serra que hoje é governador de São Paulo é o mesmo José Serra, líder estudantil, que certamente já gritou mil vezes que a universidade é lugar de estudante e não de polícia.
É inadmissível a presença de tropa policial no campus e o que aconteceu e é inacreditável que tenha ocorrido sob ordens de um ex-líder estudantil que assim joga uma pá de pus na sua biografia.
Bom domingo
Beijos

Fernanda disse...

Olá!!! pode responder sim^^

Juliana Mendes disse...

Cara...
Os caras das favelas... deveriam usar um marketing de guerra e dizer que todos os politicos e cidadãos que roubassem e que fosse impares a democracia e direitos humanos morreriam...
Acho que isso seria legal!
E que fosse tudo posto em prática.!
(:

Atreyu disse...

=0
òÓ.
º__º
x__x

Que coisa bizarra!!! Violência é algo muito triste!!!
Alguém sabe o que de concreto e positivo vai resultar disso?
Na maioria das vezes isso não dá em nada.... ¬¬²

Paulo Tamburro disse...

Sou carioca formado pela UERJ, e reconheço que USP é uma das mais conceituadas universidades do mundo.

Sem nenhum favor.

O que você classifica de barbárie é a pura realidade.

Este governador Serra é um pústula,pusilânime,poltrão carreirista, que vive atordoado pela idéia de perder mais vez as eleições presidenciais:adora para a Dilma Rousseff.

Este governador pegajoso e arrogante, deve pedir a Deus todas as noites,para que o câncer mate a Dilma.

É um inescrupuloso e sórdido político, que São Paulo não merecia.

Eu particularmente, ando muito chateado com dois fatos que ocorrem na CAPITAL DO BRASIL:SÃO PAULO.

Primeiro esta tsumanis de homossexuais que está transformando a imagem de São Paulo a locomotiva do Brasil, em o "Anus ardende" da sexulaidade brasileira.

Uma vergonha. São Paulo não merecia isto.

É lamentável esta devassidão, desfilando na principal arteria da cidade.

Desculpe.Cada um tem a opção sexual que desja, mas transformar toda a iamgem de uma fantástica megalopole e superprodutiva como São Paulo é um crime!!!

Quanto a estes episódios na USP, o Serra deveria estar preocupado com a lingerie que iria desfilar na passeata gay e esqueceu de dar atenção a uma maiores e melhores universidades do mundo.

Desculpe ter me alongado, mas é revoltante!!!

Serei seu seguidor.

Um abração carioca.

 
FREE BLOGGER TEMPLATE BY DESIGNER BLOGS