Sobre dignidade

quinta-feira, 17 de setembro de 2009


O policial pede para que o motoboy encoste sua moto. A entrega vai atrasar, mas não importa. "Mãos na parede". Ele abaixa a cabeça e abre as pernas.
O policial revista o rapaz sem rosto, enquanto os outros dois vigiam a rua movimentada. O ônibus para cheio de olhos para o acontecimento da calçada.
O rapaz continua sem olhos e sem rosto.
Enquanto isso, o Palio vermelho, metálico, com teto solar, passa sorrindo pela avenida, desfilando delinquência impunemente.
"Pode ir, moço, tá limpo! Mas deixe aqui a sua dignidade, por favor..."
E o jovem sem rosto volta para o seu trabalho.

3 comentários:

Fernanda disse...

as vezes a realidade é tão cruel...

Juliana Mendes disse...

Pois he...
igual aquela propaganda...
os policiais na rua, e passavam um negro correndo atras de um branco e os policiais, pega o ladrão, esses muleques...
e dps vinha um branco correndo atras de um negro e o policial dizia... Essa mulecada de hj adora brincar!!
:(

Monday disse...

Bom, pelo menos ele pode ficar de capacete ...

 
FREE BLOGGER TEMPLATE BY DESIGNER BLOGS